milesgeniusbadgevideoexpertsunlimitedcreativeskillsformletsgoexperience

Vagas

Dan Roam: Visual Thinking é um processo de pensamento e comunicação

Publicado em 13 de novembro, 2017

Dan Roam: Visual Thinking é um processo de pensamento e comunicação

Dan Roam: Visual Thinking é um processo de pensamento e comunicação

Mais da metade do nosso cérebro é dedicada à visão. Quando somos capazes de ver o mundo claramente, somos capazes de entendê-lo muito melhor. E quando eu digo ver o mundo, quero dizer, literalmente, ser capaz de visualizar e entender as coisas.

Esse sistema do Visual Thinking é incrivelmente poderoso, e nunca pensamos sobre isso, disse Dan Roam, um dos criadores do Visual Thinking.

Em entrevista ao jornal O Globo, durante uma visita do Rio, Dan Roam, morador de São Francisco (EUA) e formado em Belas Artes e Biologia, ele relata a criação de uma abordagem interdisciplinar que já ajudou a resolver problemas em empresas como Google, Microsoft e na Casa Branca.

POR QUE RESOLVER PROBLEMAS COM IMAGENS?

De acordo come ele, imagens podem ajudar a resolver problemas, pois desencadeiam processos na nossa mente que as palavras não reconhecem.

“As pessoas pensariam mais claramente, se comunicariam de forma mais efetiva e iriam se entender melhor com o Visual Thinking, pois linguagem e imagem são duas coisas diferentes, mas precisamos das duas para nos comunicar de verdade”.

Para Roam, quando falamos sobre um problema, temos a tendência de falar dele de uma forma muito superficial.

Mas quando o desenhamos, podemos ver o problema todo. Essa é a diferença. “Para mim, desenhar não é um processo artístico, mas de pensamento”.

A linguagem falada aborda problemas de uma forma linear, mas não é assim que o mundo funciona. “O mundo é muito complicado, e, com uma imagem, posso mostrar isso de forma simples. Então, é claro que as imagens podem nos ajudar na resolução de problemas ao nos permitirem ver as peças que o compõem”, disse.

IMAGEM E PALAVRAS

Em uma era onde a comunicação visual substitui cada vez mais as palavras, para ele as imagens vão complementar a linguagem, como sempre foi.

“A nossa primeira comunicação escrita foi feita com imagens há 32 mil anos nas cavernas. Há 5 mil anos que começamos a ter linguagem escrita. Sempre fomos seres visuais, mas acho que nos últimos 400 anos esquecemos disso. Estamos tão entusiasmados com a nossa habilidade de falar que pensamos que inteligência é isso. Mas não, essa habilidade é apenas uma parte. Acredito que a verdadeira inteligência é a habilidade de combinar descrições verbais e visuais”.

SERÁ QUE ESTAMOS SUBUTILIZANDO O NOSSO CÉREBRO?

Um terço dos nossos neurônios processam visão junto com audição, paladar, olfato e toque, o que deixa um terço do cérebro para todo o resto como lógica, memória e a parte verbal, segundo Roam.

O cérebro é responsável por 2% do peso do nosso corpo, mas consome 20% de toda a nossa energia, cinco vezes mais do que qualquer outro órgão. Metade dessa força está ajudando a processar imagens.

Gostou do post? Deixe seu comentário abaixo!