milesgeniusbadgevideoexpertsunlimitedcreativeskillsformletsgoexperience

Carreira

MICROBOOK: Livro A melhor técnica para falar bem em público

Atualizado em 16 de Maio, 2018

MICROBOOK: Livro A melhor técnica para falar bem em público

MICROBOOK: Livro A melhor técnica para falar bem em público

A melhor técnica para falar em público é aquela com a qual você se sente mais à vontade, segundo Reinaldo Polito e Rachel Polito, autores do livro “29 minutos para falar bem em público”.

Confira alguns insights que selecionamos para a comunidade AprendeAí!

  • Há oradores que preferem se apoiar em anotações. Outros se sentem mais livres quando memorizam alguns tópicos. E não são poucos os que gostam de decorar os discursos.
  • Para escolher a técnica mais adequada ao seu estilo, às suas necessidades e à circunstância da apresentação, experimente todas as técnicas que puder e escolha a que julgar mais conveniente.
  • Olhe para as anotações como se estivesse pensando, sem se precipitar. Leia a frase e depois comente, amplie, discorra. Ao terminar o comentário, leia a frase seguinte e faça outras observações e considerações.
  • Você se sentirá seguro com o apoio das anotações e livre para desenvolver o raciocínio diante dos ouvintes. Procure segurar as folhas com anotações na altura da cintura.
  • Mesmo que decorar a fala seja considerada a pior de todas as técnicas de apresentação, se você tiver facilidade para memorizar, capacidade de interpretação e jogo de cintura para contornar algum esquecimento, não haverá nenhum problema em recorrer a esse artifício.
  • Além disso, empregar recursos visuais na medida certa também podem servir de apoio.

E COMO ENFRENTAR O MEDO DE FALAR EM PÚBLICO?

Se você é um profissional que de vez em quando precisa falar em público – seja em reuniões dentro da empresa, seja em ambientes externos quando em contato com clientes, fornecedores, investidores ou sindicalistas – e não se sente confortável diante da plateia, aprenda, em pouco tempo, como contornar esses instantes difíceis.

  • Como os primeiros momentos da apresentação são os mais desafiadores, saiba o que dizer no início.
  • Leve um roteiro escrito como apoio.
  • Mesmo que não sejam utilizadas, as anotações deixarão você mais seguro.
  • Para que o tremor das mãos não seja percebido pelos ouvintes, imprima seu discurso em uma folha mais encorpada.
  • Não tenha pressa para começar. Inicie falando devagar e com volume de voz mais baixo até se sentir mais confiante. Se estiver muito nervoso, no princípio apoie as mãos na mesa ou no encosto da cadeira.
  • Converse com colegas de trabalho ou amigos sobre o que pretende apresentar e prepare-se durante o máximo de tempo possível.
  • Evite a falta e o excesso de gesticulação. Entre essas duas atitudes desaconselháveis, prefira a falta ao excesso.
  • Na maioria das situações, é recomendável evitar falar com as mãos nos bolsos, com os braços nas costas ou cruzados na frente do corpo. Evite também fazer gestos abaixo da linha da cintura ou acima da cabeça.
  • Procure não deixar as pernas muito abertas, para não tirar a elegância, ou fechadas demais, para não comprometer o equilíbrio.
  • Cuidado para não se apresentar com a cabeça baixa, para não demonstrar excesso de humildade ou com ela muito levantada, olhando por cima, para não passar ideia de arrogância.